sexta-feira, 18 de novembro de 2016

DEUS DE RENOVO


DEUS DE RENOVO
"Não fiquem lembrando o que aconteceu no passado; não continuem pensando nas coisas que já fiz há muito tempo. Vejam, estou fazendo uma coisa completamente nova, algo que já comecei a realizar; será que vocês ainda não perceberam? Vou abrir uma grande estrada no deserto, e no meio da terra seca farei correr riachos" -  (Isaías 43. 18 e 19)
Introdução:
Isaias é chamado de o Profeta Messiânico. Por ter o messias como ponto principal de sua mensagem. Deus através desse profeta, traz uma palavra profeta para nós: "Não fiquem lembrando o que aconteceu no passado; não continuem pensando nas coisas que já fiz há muito tempo. Vejam, estou fazendo uma coisa completamente nova, algo que já comecei a realizar; será que vocês ainda não perceberam? Vou abrir uma grande estrada no deserto, e no meio da terra seca farei correr riachos"
Depois de fazer referência ao passado, fazendo-os lembrar do livramento, Deus faz 3 grandes promessas:
1-    Fazer uma coisa completamente nova;
2-    Abrir uma grande estrada no deserto;
3-    No meio da terra seca, farei correr riachos.
Deus tem algo novo para a sua vida... Se cremos nisso temos três coisas a fazer, para que seja uma realidade em nossas vidas.

1. Nós desapegar do passado. 
Deus exorta o seu povo a desapegar-se do seu passado.
Muitos não vivenciam nova experiências, porque estão presos, a experiências vividas a anos atrás, e não buscam algo novo. Estar apegados ao passado, é viver uma vida museu.
Em Ap. 21.5, Deus mesmo afirma: “Eis que faço novas todas coisas...”

2. Veja o novo de Deus em sua vida. 
Há Muitos, que compartilham tantas experiências antigas, e não creem que Deus pode fazer algo novo hoje. Veja o que Deus tem feito em sua vida hoje, agradeça a Deus, pelo que você tem sido, e pelo que tem desfrutado. “...esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,” - Filipenses 3:13

3. Creia na promessa do Senhor.
Se não podemos, ficar presos ao passado, se não podemos fechar os olhos para o que Deus tem feito hoje, verdade é que não podemos jamais deixar de crê na promessa de Deus. Você está enfrentando deserto, terra seca, não se esqueça, o Deus que te abençoou no passado, é o mesmo que abençoa hoje, e sempre.
“Mas os que esperam no Senhor renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão”. Isaías 41.31
Conclusão:
Lembre-se Deus, é Deus de renovo. lembre-se das bençãos vividas no passado, sem perder a capacidade de viver as bençãos hoje, para ser grato a Deus. E jamais deixe de crer que o melhor de Deus está por vir na sua vida.


segunda-feira, 12 de outubro de 2015

O Segredo do Sucesso Pastoral




Graça e Paz!
primeiramente quero pedir desculpas ao meu publico leitor. por está afastado do blog por um tempo, por razões pessoais. Mais agora estamos retornando ao blog, com novas postagens e sempre com o objetivo de que venha ser bençãos na sua vida. 
E começo a minha postagens, com uma reflexão: sobre o Segredo do Sucesso Pastoral:

Lendo uma matéria do Pastor Ezequias Marins, pastor titular

da "Igreja Batista Central em Japuiba" (Angra dos Reis, RJ) 

fiquei pensando: 


Qual o segredo do sucesso no ministério pastoral? 

Ainda não sei; mas do fracasso, eu já descobri: 

É tentar agradar a todos! 

Por isso, já decidi: 

Se terei sucesso aos olhos dos homens não sei, 

Mas estou decidido serei sempre um pastor, 

Buscando sempre agradar àquele me chamou, me salvou, me 

escolheu e me vocacionou. 

A Deus portanto, tributo toda honra e toda glória! 

(Pr. José Nilton)

segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Nova geração e responsabilidade social


Nova geração e responsabilidade social - (Tg 1.26,27)
“Se alguém cuida ser religioso e não refreia a sua língua, mas engana o seu coração, a sua religião é vã. A religião pura e imaculada diante de nosso Deus e Pai é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas aflições e guardar-se isento da corrupção do mundo.”
O adjtivo social, está diretamente ligado ao substantivo feminino, sociedade, que é povo, gente e nos lembra que precisamos ajudar aqueles que fazem parte da sociedade, mais que vivem marginalizados, excluídos.
Como geração de Deus nesse mundo, precisamos nos espelhar em nosso Mestre, Jesus Cristo, que disse “O Filho do homem, não veio para ser servido, mas para servir.” Amados “somos salvos pela fé, para desenvolvermos as boas obras” (Ef. 2.10). como salvos, somos impulcionados a  realizar as boas obras, ou seja; estamos prontos a servir com alegria e gratidão.
O texto acima nos ensina sobre a religião pura e sem macula que nos conduz a uma vida de ação social verdadeira. Esse ensino é compreendido, através de alguns destaques que fazemos do texto:

1 - Pureza de vida = (língua refreada do mal) - (v.26ª).
Ninguém pode servir verdadeiramente, ao próximo e principalmente a Deus, se não tiver um coração puro. Porque “a nossa boca fala, do que o nosso coração está cheio”. Por isso, a malediscência, o disse-me-disse, intrigas, discórdias, demonstram uma religiosidade falsa e nada vale diante de Deus. 
2. Visitar os órfãos e as viúvas, nas suas aflições = (v.27b)
O contexto histórico no tempo do apóstolo,  era essa a situação. Hoje o leque de visitas e ajuda é bem mais abrangente. Aflição é sofrimento físico, emocional e espiritual.  Como igreja, do senhor, precisamos ver o homem em sua totalidade: Corpo, alma e espírito.
3. Guardar-se da corrupção = (v.27c)
Corromper-se, significar romper com os padrões normais de uma sociedade. Nesse caso, é romper com o amor, a justiça e a misericórdia. Corrupção portanto é maldade, deslealdade, idolatria, egoísmo,desonestidade e etc. como cristãos precisamos estar longe desse tipo de atitude.
Conclusão:
Para a sociedade mundana e que jaz no maligno, isso é normal mas para os que fazer parte da nova geração de Deus, quem é nascido de novo, isso é abominação a Deus. Nós fomos chamados para fazer diferença.
Pr. José Nilton – Pastor e Psicanalista

sexta-feira, 21 de junho de 2013

Como vencer a mediocridade?



1º Não se contente com o que já conquistou. 

Filipenses 03:13-14 - Somos tendenciosos a ficar se gloriando do passado, de ficar contando as coisas grandiosa que conquistamos, ou vimos. Isso é bom “trazer a memória aquilo que me traz esperança”. Davi lembrou-se do urso e do leão que matou antes de enfrentar Golias, mas não ficou satisfeito com isso, ele queria mais, ele disse como Paulo isso já ficou para traz Deus tem um novo desafio para mim. A um perigo em sermos roubados pelo diabo, de sermos confortados com vitórias do passado, temos que avançar para a próxima etapa, temos que viver novos desafios, temos que subir mais um degrau da escada, isso só pode acontecer se não ficarmos parados olhando para trás. Quem olha para frente é quem acredita que ainda tem muito a ser conquistado ainda é que tem esperança de avançar para um novo nível em Deus. Aleluia!

2º Ele tem um alvo e não abre mão dele. 

Filipenses 03:14. Pessoas bem sucedidas na vida são aquelas que traçam um objetivo e o segue quem não tem alvo não tem onde mirar não alcança nada. Temos que saber quais são os nossos objetivos pessoais, e também espirituais, sabemos que Deus tem um alvo conosco terminar a boa obra que foi iniciada, nos transformar segundo a imagem de Jesus Ele não abrira mão disso. Temos que entender que o alvo é fundamental para a vitória, sem alvo é impossível obter um grande resultado. Temos que assear pela vitória temos que dar tudo de nós. I Coríntios 09:23-27. Em outras palavras, se tiver que esmurrar o próprio corpo eu faço isso para ser um vencedor em Cristo, não aceito a derrota na minha vida, não aceito ser desqualificado. Aleluia! 

3º Ele quer sempre exceder o padrão.  

Mateus 05:20. O medíocre só que saber qual é a lei, para fazer aquilo que esta na lei e somente esse é o fariseu, que não se esforça para ir além, ele trabalha na lei do mínimo esforço, ele quer fazer o mínimo possível, ele não tem sede de exceder. Essa é a diferença entre o vencedor e do medíocre, o vencedor quer ir além do que já foi estabelecido, já fui salvo agora eu quero a recompensa. Não é um desejo de ser melhor que os outros, mas o desejo de dar tudo de si mesmo é o desejo de transcender, é o desejo que nos leva a vencer mesmo em situações adversas, mesmo em situações em que parece impossível, isso é transcender é sair da media é ir alem do padrão estabelecido. O medíocre se contenta em fazer aquilo que foi estabelecido, foi por isso que Jesus veio para vencer a mediocridade.

Mateus 05:18-22;26;28;32;34;44. Temos que andar no padrão de Jesus ser um vencedor, exceder o padrão para que o nome do pai seja glorificado. Se quisermos ser um vencedor temos que ir além da mediocridade. Temos que pedir para o Senhor nos capacitar e nos levar além das nossas limitações humanas.

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Montanismo e Pentecostalismo

Montanismo e Pentecostalismo
Desafios e Propostas para o Ministério dos Dons Espirituais

O movimento pentecostal moderno surgiu no início do século XX,  nos Estados Unidos. Os adeptos do pentecostalismo enfatizavam o batismo com (ou no) Espírito Santo como um revestimento de poder subseqüente à conversão e o falar em línguas estranhas como a evidência inicial desse batismo. Outros dons ou manifestações sobrenaturais passaram a fazer parte das reuniões pentecostais, tais como, as curas físicas, profecias, dons de realizar milagres, de discernimento e outros. 

Os pentecostais defendem tais crenças e práticas com base no segundo capítulo do livro de Atos dos Apóstolos, onde os apóstolos, Maria – a mãe de Jesus – e vários discípulos (cerca de 120 ao todo), instruídos pelo Mestre, ficaram reunidos num cenáculo em Jerusalém esperando a vinda do Espírito Santo prometida por Jesus. No quinquagésimo dia depois da Páscoa, após esperar por dez dias, a promessa de Jesus cumpriu-se. Lucas descreveu assim o evento:
Ao cumprir-se o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar; de repente, veio do céu um som, como de um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam assentados. E apareceram, distribuídas entre eles, línguas, como de fogo, e pousou uma sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e passaram a falar em outras línguas, segundo o Espírito lhes concedia que falassem.
Quanto à origem do termo Pentecostes, o Dicionário Bíblico informa:
Em Levítico 23:16,  a Septuaginta empregou o termo pentêconta hêmeras como a tradução do hebraico hªmishshïm yom, “cinqüenta dias”, referindo-se ao número de dias partindo da oferta do molho de cevada, até ao início da Páscoa. Ao qüinquagésimo dia era a Festa de Pentecoste.Visto que o tempo assim escoado era de sete semanas, era chamada de hagh shabhu´ôth, ‘festa das semanas’  (Ex 34:22; Dt 16:10). Assinalava o término da colheita da cevada, que tinha início quando a foice era lançada pela primeira vez na plantação (Dt 16:9), e quando o molho era movido ‘no dia imediato ao sábado’ (Lv 23:11, 12a). É festa igualmente chamada de hagh haqqãçïr, ‘festa da colheita’ e de yôm habbikkürïm, ‘dia das primícias’ (Ex 23:16; Nm 28:26). Essa festa não se limitava aos tempos do Pentateuco, mas sua observância é indicada nos dias de Salomão (2 Cr 8:13), como o segundo dos três festivais anuais (cf. Dt 16:16).
Veja esse assunto, completo, em:
http://vozesdareforma-mmep.blogspot.com.br/

Valdomiro Santiago prega a heresia ariana!

De vez em quando falo aqui de alguns televangelistas modernos e chovem comentários me criticando com aquela balela do “não toque no ungido”. Alguns até chamam muitos desses televisivos vendedores de bênçãos de irmãos. Pois bem, o Valdemiro Santiago está no auge, a turma tem ido aos montes para a empresa dele atrás do milagre, lá tem até a “Terça-feira do Milagre Urgente”. Mas, será que o que lá acontece é milagre mesmo? Se as curas pregadas ali são verdadeiras qual é a fonte? Você pode dizer: “e como eu vou saber pastor?” Bem, tem um teste. Veja a materia completa em "Vozes da Reforma" e Leia com muita atenção. 

http://vozesdareforma-mmep.blogspot.com.br/2012/01/valdomiro-santiago-prega-heresia-ariana.html


sexta-feira, 31 de maio de 2013

Ser Cristão, é Ser o Sal da Terra


  
O SAL DA TERRA - (Autoria: Pr Ronaldo Alves Franco/ Adap. Pr. José Nilton)
Mateus 5.13  

Propósito Geral: Exortativo.
Tema Específico: Os efeitos da presença dos cristãos.
Idéia Central do Sermão: SOMENTE OS CRISTÃOS VERDADEIROS SÃO CONSIDERADOS POR DEUS O SAL DA TERRA.  Não basta uma pessoa querer ser "sal", ou pensar e dizer que é "sal".   O sal verdadeiro é inconfundível, devido às suas QUALIDADES:

1. SUA CAPACIDADE DE CONSERVAR
O sal foi o primeiro conservante utilizado pela humanidade. 
Todo cristão verdadeiro é um CONSERVADOR.
Ele crê na Bíblia e condena todas as formas de pecado que ela denuncia, não importando se a sociedade o considera politicamente incorreto, retrógrado, careta ou coisas semelhantes.
Ele repudia tudo aquilo o que a Bíblia denuncia, coisas tais como o adultério, a fornicação, a pornografia, as piadas indecentes, o homossexualismo, o ódio, a fofoca, etc.

2. SUA FACILIDADE EM DAR SABOR 
Uma das grandes busca do ser humano é por sabor. Sabor na vida, na existência. E, nesta sua busca por sabor, enganado e iludido pelo Diabo, ele acaba experimentando vários "sabores" estragados, contaminados, venenosos.
Todo cristão verdadeiro tem o SABOR DE CRISTO e é capaz de dar um tempero especial à vida das pessoas ao seu redor.

3. SEU VALOR INTRÍNSECO 
Não é à tôa que a palavra "salário" vem de sal, pois, nos tempos de Jesus, o sal era tão valioso que era usado como moeda.   Todo cristão verdadeiro tem VALOR INTRÍNSECO, pois o Espírito Santo de Deus produz em seu íntimo uma série de qualidades inigualáveis, conforme nos relata Gálatas 5.22, como sendo fruto do Espírito Santo.
- Amor Alegria – Paz - Longanimidade – Benignidade – Bondade – Fidelidade - Mansidão - Domínio próprio.
" O fruto do Espírito Santo é o resultado da presença do Espírito Santo na vida do Cristão.  A Bíblia deixa bem claro que todos recebem o Espírito Santo no momento em que acreditam em Jesus Cristo” (Romanos 8:9; 1 Coríntios 12:13; Efésios 1:13-14)

Conclusão:
Se algum cristão não é Conservador, não é capaz da dar sabor à vida das pessoas ao seu redor nem tem valor intrínseco, NÃO É CRISTÃO.
O cristão verdadeiro, aquele que um dia se arrependeu de seus pecados e abriu seu coração para Jesus, este, sim, tem estas qualidades e é considerado por Deus (e também pelos homens) o SAL DA TERRA!   Deus seja louvado! 

Mulher Ágape!

Cristão Site